sexta-feira, 10 de abril de 2009

No encontro com Jesus, nova força no caminho

Iniciamos a Quaresma com o forte pelo à conversão, à volta para o Pai, a uma vida nova que leve a mudança de rumo. A campanha da Fraternidade trouxe presente a realidade da segurança pública diante de tantas situações que estão a nos desafiar. E é neste espírito que a Palavra de Deus nos desafia para que "A paz seja fruto da justiça".

Agora iniciamos a Semana Santa. Com Jesus queremos entrar em Jerusalém. Com Jesus, queremos silenciar, assumir o caminho da dor, do sofrimento. Não na desolação ou no desânimo, mas no silêncio para abraçarmos a cruz e entendermos o grande mistério do amor, da maior prova de amor que brotou da cruz.

Que a caminhada da Semana Santa, o encontro pessoal com Jesus Cristo, os encontros em comunidade e com a comunidade possam nos fazer mais fortes em nossa fé, em nossa vida pessoal, comunitária, em nossa vida como povo de Deus da Diocese de Criciúma.

A caminhada e a vivência da Semana Santa fazem arder o nosso coração porque o Senhor caminha conosco, nos fala pelas Escrituras e parte o pão. E assim, caminhemos com Jesus:
No Domingo de Ramos, com os ramos nas mãos, aclamando ao Deus da vida, acompanhando o evangelho da paixão e morte, iniciando solenemente a Semana Santa. Neste dia a nossa solidariedade se manifestará de uma maneira ainda mais intensa através do gesto da coleta da solidariedade;
Na Missa do Crisma, missa da unidade diocesana, momento da renovação das promessas sacerdotais, da bênção dos Santos Óleos e da consagração do Óleo do Crisma;
Na vivência do Tríduo Pascal que tem o seu início com a Celebração Eucarística da Quinta Feira Santa, celebração que nos recorda a Instituição da Eucaristia: ... "Isto é o meu corpo, tomai e comei.... Fazei isto em memória de mim".
Na Sexta Feira Santa, caminho da dor, do sofrimento, da morte de Cruz. A hora da verdade: "realmente ele era o Filho de Deus". E o silêncio se abate em tudo e em todos, o corpo é depositado na sepultura. Mas a vida não foi vencida. A vida venceu, a morte foi derrotada. Na Vigília Pascal, a celebração da vitória, Cristo ressurgiu, está vivo. Ele continua vivo no meio de nós.

Vivamos intensamente esta semana no encontro pessoal e comunitário com Jesus Cristo, seguindo os passos do Senhor, nos passos de nossa vida pessoal, familiar e comunitária.

Pe Wilson Buss - Administrador Diocesano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...