terça-feira, 11 de agosto de 2009

Pois tu és jovem!

Não, o caminho ainda não chegou ao seu fim,
A vida constantemente te convoca para caminhar,
Pois pela frente ela precisa de tuas palavras,
De teu silêncio e de teu olhar.

Verdadeiramente tu sentirás a saudade aconchegar-se em teu peito,
Mas também o desejo de vencer lá terá lugar.
Vencer sem perder a dignidade e a honradez,
Sem esquecer que a vitória só será conquistada pela paz.
A certeza virá, de que tu não serás abatido,
Pois quem nutre a esperança de vencer jamais é derrotado.

Verdadeiramente tu te encontrarás novamente em meio a tantas tempestades,
Raios e ventanias te esperarão.
Mas tu haverás de perceber em meio a tantas tormentas a beleza da chuva que cai,
Não a reduzindo aos raios e aos ventos que te amedrontam.

É certo que em tua vida haverá novas tristezas,
Da mesma forma haverá aqueles que te magoarão.
Não te esqueças que em tuas plebes noites
Vive a utopia de um nobre amanhecer.

Verás com certeza a luz no fim de todos os túneis,
Pois tu és jovem e tua coragem chama-se Juventude.
Entenderás que perfeição é lutar pelos teus sonhos,
Perceberás que beleza é ir ao encontro de quem te chama,
Compreenderás que a justiça é condição de quem ama.

A Juventude necessita de utopias para viver,
Mais ainda precisa de esperança para sobreviver.
Assim como o mar precisa de cada gota d’água para existir,
Tu careces de cada sonho para poder continuar a caminhar.

Não acredite que o amanhã seja impossível,
Também não pense que o ontem ficou para trás.
Teus passos já fizeram aquele caminho,
Agora olhe para eles, apreenda o que deles fora importante,
Erga a cabeça e siga em frente a caminho do amanhã.
Tu não imaginas, caro jovem, os quantos que esperam tua chegada,
Para poderem beber no poço de tua esperança
E seguir-te no caminho da paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...